Projeto seleciona alunos para viagens pela América Latina

Serão escolhidos entre oito e 10 candidatos. Interessados podem ser inscrever até 30 de novembro. Um dos requisitos para a inscrição é ser graduando ou pós-graduando em história da arte. O foco do estudo é a arte barroca

São Paulo, 23 de novembro de 2015 – Interessados em viajar pela América Latina com intuito de estudar a arte barroca tem a oportunidade de se inscrever no Edital número 38/2015, no site da Fundação de Apoio à Universidade Federal de São Paulo (www.fapunifesp.edu.br). O projeto intitulado “Elaboração de pesquisa e desenvolvimento de atividade em torno dos conceitos do Barroco e Neobarroco na América Latina” vai recrutar de oito a 10 alunos para uma investigação sobre o período descrito.

As inscrições para o projeto, também conhecido como “Barroco Global”, vão de 23 a 30 de novembro e os candidatos necessitam ser graduandos ou pós-graduandos em história da arte e comprovar boa saúde para viagens a alturas acima de quatro mil metros do nível do mar. Falar inglês é diferencial.

As viagens pela América Latina acontecerão na segunda metade de abril de 2016. O projeto garante aos participantes a passagem aérea, seguro saúde e hospedagem. Os gastos com alimentação, passaporte, visto, vacinação e ingressos para museus não são custeados.

A primeira etapa do processo seletivo consiste na entrega do histórico escolar e da ficha de inscrição, anexada ao edital, na sede da FapUnifesp, que fica na Rua Doutor Diogo de Faria, número 1.087, conjunto 801, bairro Vila Clementino, São Paulo, capital. Esta etapa terá a função de avaliar a competência do candidato na matéria história da arte.

Na segunda fase será aplicada uma prova, de caráter eliminatório, com questões discursivas a respeito de problemas teóricos referentes ao período artístico que será estudado, além da tradução de um texto em inglês, francês ou alemão, à escolha do candidato.

O projeto é uma iniciativa conjunta entre a Universidade de Zurique, na Suíça, a Universidade Federal de São Paulo e da Fundação Getty. É coordenado pelos professores Tristan Weddigen e Jens Baumgarten, e tem como escopo a redefinição do campo investigativo do assim chamado período Barroco, compreendido como primeiro momento privilegiado de contraste e superposição – em escala mundial – de formas artísticas ocidentais e analisá-lo como modelo de globalização da arte e da história da arte que interliga o início da Era Moderna e os Períodos Moderno e Contemporâneo. Para outras informações, acesse a página de Editais, no site da FapUnifesp e consulte o Edital número 38/2015.