Setor financeiro da FapUnifesp começa 2016 mais estruturado

Diretoria prevê, para o próximo ano, mais precisão à movimentação contábil dos projetos apoiados pela Fundação. Previsão é feita a partir de resultados obtidos após consolidação de procedimentos administrativos feitos no decorrer deste ano

 

São Paulo, 21 de dezembro de 2015 – A Fundação de Apoio à Universidade Federal de São Paulo, FapUnifesp, começará 2016 com mais acuracidade em relação a sua movimentação financeira. Essa conquista é parte da reorganização administrativa, que ao longo deste ano, contratou prestadores de serviço especializados para o levantamento e análise de seus dados contábeis, gerando relatórios financeiros mais objetivos, garantindo, assim, o foco nas ações de controladoria de sua gestão. “Sanear nossa ‘saúde financeira’ foi um de nossos principais objetivos em 2015. Ao chegarmos neste fim de ano, essa meta foi substancialmente atingida”, reforça profa. Vanessa C. Abílio, Diretora Financeira. “Agora, começaremos o trabalho de reconciliação das contas”, adianta.

Por “reconciliação”, profa. Vanessa aponta, entre outras ações, a ampliação do diálogo com os responsáveis pelos projetos ligados à Fundação. A ideia é dirimir dúvidas e eliminar informações contraditórias de suas movimentações financeiras. “Do ponto de vista administrativo-financeiro, o próximo ano será período de aprofundamento na excelência de nossas atividades”, adianta. “Queremos, cada vez mais, garantir à comunidade acadêmica da Unifesp, a melhor execução de nossas tarefas.”

Desde 2013, a gestão da FapUnifesp é norteada para a celeridade em suas atividades, sempre agindo em acordo com as normas e leis vigentes do setor das fundações universitárias federais. Facilitar o aprimoramento de trabalhos de ensino, pesquisa e extensão dos docentes da Universidade é razão de existir da FapUnifesp. Nesse sentido, sua Diretoria constrói um ambiente cada vez mais profissionalizado. E vê, como oportuno, o momento em que o ano se encerra, para reafirmar o afinco no estabelecimento de uma Fundação mais moderna e apta a atender a comunidade acadêmica. A todos, boas festas e um próspero 2016!